Um smartphone tornou-se um objeto íntimo